sábado, 18 de outubro de 2014

II Ciclo Pernambucano de Moda, Arte e Sustentabilidade

Este ano o Ciclo está realizando a sua segunda edição, iniciando sua programação em outubro de 2014 e terminando em março de 2015, com atividades compreendidas nas cidades de Recife e Caruaru, onde serão oferecidas palestras, oficinas, eco galerias, mesa redonda sob o tema da Sustentabilidade, shows multimídias, apresentações culturais, cujo objetivo é a participação de acadêmicos, profissionais e/ou pessoas que queiram aprender ou aprimorar o seu conhecimento na temática de produzir e viver de uma forma mais responsável e sustentável.

Confira a programação:
22/10
Performance Urbana: Street Arte e Grafite
Local: Lixão da Perimetral
Horário: 14h às 17h
 Com o artista Carlos André.
A inspiração que vem das ruas é o ponto de partida para a performance proposta. Imerso no cenário de lixo e reciclagem localizado no bairro do Arruda, o grafiteiro Carlos André apresentará ao vivo para os catadores de lixo e público em geral a missão da arte na transformação dos utensílios descartados em objetos de arte.
23/10
Palestra de Produção de evento
Local: Torre Malakoff
Horário: 15h às 18h
Palestrante: Izabel Carvalho - Coordenadora de Produção da Globo NE.
Planejar não faz parte da cultura brasileira de administrar. Muitos começam a produzir sem um planejamento. E esta falta de organização faz com que desperdiçamos tempos e muitas vezes insumos que poderiam ter sido poupados. Nesta palestra vamos saber um pouco de como produzir de uma forma planejada e consciente. Evitando assim o desperdício.


sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Prefeitura do Recife abre inscrições para passeios gratuitos

Para estreitar os laços da população com os espaços públicos, a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Turismo e Lazer, oferece, entre sábado e domingo, quatro perspectivas diferentes de contemplação dos cartões-postais da cidade.Os passeios do projeto de sensibilização turística Olha!Recife, a pé, de ônibus, de bicicleta e de catamarã, são gratuitos e têm inscrições abertas a partir das 8h da manhã desta sexta-feira (17).

Na manhã do sábado, o Olha!Recife no Rio será dedicado às pontes do Recife, estruturas seculares que são como artérias da malha urbana recifense. No roteiro, estão os arrecifes do Porto, o Iate Clube de Pernambuco, Casa de Banhos, Parque de Esculturas, Praça do Marco Zero, Cais da Alfândega e Cais de Santa Rita, Rua da Aurora e Rua do Sol. O passeio sairá do Catamaran Tours, no Cais das Cinco Pontas, às 10h30 da manhã.

Às 14h do sábado, sai da Praça do Arsenal o Olha!Recife de Ônibus, que terá o mesmo tema da semana passada, dedicando-se aos principais parques da cidade. O Parque 13 de Maio, o Parque da Macaxeira, o Parque da Jaqueira, o Parque de Santana e o Dona Lindu serão alguns dos equipamentos contemplados.

No domingo, vale a pena acordar mais cedo. O Olha!Pedalando, que começa às 9h, fará um circuito pelos pátios e largos de igreja da cidade, espaços que promovem o convívio social desde o Brasil colônia. O passeio visitará os pátios de São Pedro, do Carmo, Livramento, do Terço, São José do Ribamar e Pátio de Santa Cruz, respiradouros em meio ao agito do Centro.

No mesmo horário, o Olha! Recife a Pé levará os participantes até a Avenida Rui Barbosa, na Zona Norte da cidade, que concentra belas e históricas construções do Recife. O Solar da Jaqueira, a Academia Pernambucana de Letras, a Estação Ponte D'Uchoa, o Colégio Damas, o Museu do Estado e o Palácio dos Manguinhos estão no roteiro. O grupo sairá de ônibus da Praça do Arsenal, às 9h, com destino à Rui Barbosa, onde desembarcam para fazer a caminhada.

Para participar de qualquer modalidade do Olha!Recife é preciso inscrever-se a partir das 8h de amanhã (17), no site www.olharecife.com.br. E levar um quilo de alimento no dia do passeio. Todos os roteiros contam com guias de turismo.

O Olha! Recife é uma iniciativa da Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Turismo e Lazer, para estimular a população a usufruir das belezas e atrativos da cidade.
  
Serviço:

Olha! Recife no Rio
Tema: Recife e suas pontes
Quando: Sábado (18), às 10h30
Saída: Cais das Cinco Pontas - Catamaran Tours

Olha! Recife de Ônibus
Tema: Parques da cidade
Quando: Sábado (18), às 14h
Saída: Praça do Arsenal da Marinha, no Recife Antigo

Olha! Recife Pedalando
Tema: Pátios e largos de igreja
Quando: Domingo (19), às 9h
Saída: Praça do Arsenal da Marinha, no Recife Antigo

Olha! Recife a Pé
Tema: Avenida Rui Barbosa
Quando: Domingo (19), às 9h
Saída: Praça do Arsenal da Marinha, no Recife Antigo

Gustavo Pardal apresenta stand up na estreia do 'Rouge Comedy'



O comediante Gustavo Pardal, finalista do Prêmio Multishow de Humor, foi o escolhido para estrear em grande estilo o projeto 'Rouge Comedy', hoje (17), na Creperia Rouge. Em única apresentação, o pernambucano vai exibir seu espetáculo de stand up, a partir das 21h, ao lado dos humoristas convidados Renato Bartolomeu e Rubens Santos, no espaço Rouge Noir.

Os ingressos para a noite custam R$15. A Creperia Rouge fica na Praça de Casa Forte, 570 – Casa Forte. Para informações e reservas: (81) 3048-0367/9915-5306.


Cia. 2 em cena promove curso de iniciação à Palhaçaria

Estão abertas até hoje (17), as inscrições para o curso “E o Palhaço o que é?” curso de iniciação à palhaçaria da Cia. 2 em cena. Ação de formação, resultante da pesquisa “Laboratório de Palhaçaria” realizada desde 2007 pela Companhia. O Curso tem como objetivo iniciar os participantes na arte do Palhaço tradicional brasileiro, possibilitando a descoberta de sua figura palhacesca.

Será realizado no período de 18/10 à 20/12/2014, com aulas aos sábados das 14h às 18h, no Espaço Brincantes, localizado à Rua Visconde de Goiana, nº 173, Boa Vista, Recife - PE.
No programa do curso serão oferecidas as seguintes disciplinas: Corpo e Comicidade, ministrada pelo o ator, palhaço e bailarino Arnaldo Rodrigues; História da Palhaçaria, ministrada pela educadora, atriz e palhaça Jerlâne Silva; Voz e Comicidade, ministrada pelo ator, palhaço e diretor musical Douglas Duan e Palhaçaria, ministrada pelo ator, palhaço, diretor e dramaturgo Alexsandro Silva.

O investimento é de R$ 400. Os interessados devem solicitar a ficha de inscrição através do email: cia2emcena@gmail.com.
Maiores informações: (81) 3071- 2880 / 9665-7271/ 8402-3656 (Alexsandro Silva ou Arnaldo Rodrigues).


Seminário RecorDança - 10 anos finaliza comemorações


Desde março deste ano, o Acervo RecorDança vem comemorando os seus dez anos de existência. Uma série de ações fez parte deste momento tão especial para um dos principais acervos de dança do país. Fechando este ciclo, nesta sexta (17) e  sábado (18), o Centro Cultural Correios recebe o “Seminário RecorDança 10 anos: Movimentos de memória”.
Com intensa programação, o evento contará com oficinas, palestras, apresentação pública da pesquisa Histórias ao Pé do Ouvido e o lançamento do 1º episódio de podcast. O evento conta com patrocínio dos Correios, incentivo do Funcultura e apoio do Festival Internacional de Dança do Recife.

Oficinas– A oficina “O hibridismo nas artes: contexto e genealogias”, ministrada por Flávia Meirelles do Temas da Dança. Vale lembrar que são apenas 25 vagas, por ordem de inscrição e os interessados podem se inscrever através do link http://goo.gl/forms/M61h2jJ4YL .

Palestras– Na sexta, Flávia Meirelles vai falar sobre os desafios de produzir um arquivo em dança. Trazendo a experiência do grupo de pesquisa Temas de Dança, ela vai tratar de questões como elaborar um acervo em uma área como a dança, que tem pouca conformidade com o arquivamento.
No sábado, Nirvana Marinho, do Acervo Mariposa, dialoga sobre as relações de afeto e a dança, traçando transversalidades com estórias, memória e movimentos dançados. Finalizando as atividades, Valeska Alvim, da Universidade Federal do Acre faz uma espécie de cartografia da dança brasileira, onde traz ao Recife a realidade local do seu estado, o Acre.

Podcast– Para fechar a programação do sábado (18), haverá a apresentação pública do projeto Histórias ao Pé do Ouvido, com orientação de Marcelo Sena. Na ocasião, será exibido o primeiro episódio de podcast, resultado de uma pesquisa de dez meses, iniciada em janeiro deste ano. Esse arquivo digital de áudio traz edições de entrevistas gravadas pelo RecorDança nos anos de 2003 e 2004 e intervenções dos pesquisadores Elis Costa, Ju Brainer, Ailce Moreira e Marcelo Sena, que dialogam com artistas atuantes na dança pernambucana desde os anos 1970.
No total, o projeto contará com oito episódios de podcasts, que são fruto dessa extensa pesquisa. Esse material estará disponível no novo site do Acervo RecorDança e em instituições como a Biblioteca Pública do Estado de Pernambuco, Biblioteca Joaquim Cardoso (CAC/UFPE), Escola Municipal de Arte João Pernambuco e FUNDARPE.

Programação completa || Seminário RecorDança 10 anos: Movimentos de memória:

Sexta (17)
9h às 12h||Oficina Estórias de amor entre danças suas e dele (a) - Nirvana Marinho (Acervo Mariposa)
14h às 16h||Palestra Temas de Dança: o desafio de produzir arquivo em dança - Flávia Meirelles (Temas da Dança)
16h||Lançamento do catálogo da exposição RecorDança 10 anos: construir, sentir e olhar a dança

Sábado (18)
9h às 12h||Oficina O hibridismo nas artes: contexto e genealogias - Flávia Meirelles (Temas da Dança)
14h às 16h||Palestra História da Dança e acervo: estórias de amor – Nirvana Marinho (Acervo Mariposa)
Palestra Cartografia da Dança Brasileira: a realidade do estado do Acre – Valeska Alvim (Universidade Federal do Acre)
Mediação Acervo RecorDança (Liana Gesteira)
17h às 19h||Apresentação pública da pesquisa podcast e lançamento do 1º episódio

Serviço:
Seminário RecorDança 10 anos: Movimentos de memória
Dias 17 e 18 de outubro, no Centro Cultural Correios
www.facebook.com/acervo.recordanca
Informações:recordanca@associacaoreviva.org.br| Fone: (81) 3222.5571



quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Espetáculo inédito do grupo Bacnaré abre a programação do 19º Festival Internacional de Dança do Recife, nesta quinta (16)



Bacnaré / Foto: Fernando Azevedo
O grupo mostra o espetáculo “Nações Africanas”, inspirado na variedade cultural do continente africano, a partir das 20h, no Teatro de Santa Isabel. A programação do 19º FIDR segue até o próximo dia 26.

A grande variedade cultural do continente africano é a inspiração de “Nações Africanas”, espetáculo inédito do grupo do Bacnaré – Balé de Cultura Negra da Cidade do Recife, que abre a programação do 19º Festival Internacional de Dança do Recife, nesta quinta (16), às 20h, no Teatro de Santa Isabel.Realizado pela Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Cultura e da Fundação de Cultura Cidade do Recife, o evento movimentará teatros, equipamentos culturais e espaços públicos da capital até o próximo dia 26. Na grade, 30 apresentações de 24 grupos nacionais e internacionais, além de debates, oficinas e seminários, espalhados por 14 pontos da cidade. Os ingressos nos teatros terão preços populares, R$ 10,00 e R$ 5,00, e nos demais espaços a programação é gratuita.

Com direção de Tiago Batista Ferreira, o primeiro espetáculo inédito do grupo após a morte do seu fundador, o mestre Ubiracy Ferreira, no ano passado,  leva ao palco um grande elenco, composto por 26 dançarinos, seis percussionistas e dois cantores. A montagem reúne coreografias que passeiam pela história, identidade e herança cultural das nações africanas.  No palco, seis nações juntas mostram a diversidade africana. A dança “mística” com o uso de máscaras que simbolizam deuses africanos e o vigor contagiante de seus movimentos são alguns dos aspectos utilizados no espetáculo. 

Para o presidente da Fundação de Cultura Cidade do Recife, Diego Rocha, a realização do Festival é de suma importância, pois consolida a cidade como rota das grandes companhias do gênero. “O Recife possui uma tradição nesse setor, com companhias locais de renome e um público cativo. O Festival tem uma característica importante que é a de abrir espaço para diversas expressões da dança, desde as mais tradicionais, como o clássico, o moderno, o contemporâneo, até os mais atuais como o hip hop e o afro. Entendemos que trazer estas companhias para o Recife, seja de outros Estados brasileiros, seja do exterior, é uma forma de fomentar a troca de experiências, incentivar a produção local e formar novos públicos”, diz Diego. 

Ao todo, 24 companhias integram a programação, das quais cinco foram convidadas pela produção do evento. São elas Mudanzas Escénicas Clap! (Argentina), As Palavras – Compangnie Claudio Bernardo (Bélgica), Cia. Mariana Muniz de Teatro e Dança (SP), J. Gar. Cia. Dança Contemporânea (SP) e Balé Popular do Recife (PE). Como forma de democratizar a participação, todos os demais grupos foram selecionados por meio de edital de convocação.

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Lançamento do documentário O MAGO DAS ARTES: Lula Côrtes

O documentário é o resultado de vários encontros com o artista, onde ele transita por sua arte, desenhando, pintando, tocando, escrevendo, no palco ou conversando com amigos. A produção é de Katia Mesel e Avir Shamaim com apoio do realizado através do 6º Edital do Programa de Desenvolvimento da Produção Audiovisual de PE/Funcultura.

Serviço:
Cinema da Fundação
Rua Henrique Dias, 609 - Derby
15 20h30
3073 6689